sáb. fev 27th, 2021

Quadrilha especializada em roubo de baterias é desarticulada pela Polícia Civil

B20150107010729_img_20150106_213003006_1_Na tarde desta terça-feira, 06, uma ação de combate à criminalidade deflagrada por Policiais Civis da 4ª Delegacia de Polícia, em conjunto com Agentes do Departamento de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública, resultou na desarticulação de uma quadrilha especializada na subtração de baterias de empresas de telefonia, em Palmas.

Durante a ação, foram presos em flagrante delito e autuados pelo crime de furto qualificado, Daniel dos Santos Bertelli, 33 anos, Marcones Ferreira Decidido, 22 anos e Douglas Ribeiro, 18 anos. Com os suspeitos, os Policiais Civis apreenderam 11 baterias telefônicas, as quais estavam armazenadas em uma residência localizada no Jardim Santa Bárbara.

Segundo apontaram as investigações da PC, as baterias foram furtadas em diversos pontos da cidade onde estão instaladas as Antenas das empresas de telefonia OI, CLARO e VIVO. Dando continuidade aos trabalhos investigativos, os Policiais Civis também apreenderam 03 baterias furtadas que estavam em poder de Wilson dos Santos Honório, 33 anos, e mais 03 que estavam na posse de Leandro de Castro Parente, totalizando assim, 17 baterias furtadas. Ambos os homens foram autuados pelo crime de receptação.

De acordo com o Delegado Dr. Rossilio Correia, o grupo vinha sendo investigado, pelos Policiais da Diretoria de Inteligência da polícia civil, há pelo menos três meses, após vários registros de furtos denunciados pelas empresas de telefonia, tanto móvel, quanto fixa da cidade. “Essas baterias custam em média R$ 1mil, mas eram revendidas no comércio de som automotivo por valores que variavam de R$ 300 a R$ 500 reais. Acreditamos que com a prisão dos suspeitos haverá uma queda significativa nesse tipo de crime, na Capital”, frisou o Delegado.

“Sem as baterias, o sinal de celular fica prejudicado para o consumidor final, quando há falta de luz ou Pico de Energia”, explica Lourival Guedes de Moura Filho, técnico de telecomunicações da empresa VIVO.

Após os procedimentos cabíveis, Daniel, Marcones e Douglas foram encaminhados à Casa de Prisão Provisória de Palmas onde permanecerão a disposição do Poder Judiciário. Ainda, conforme o Delegado, às investigações serão intensificadas com o objetivo de localizar e prender os demais integrantes da quadrilha que ainda se encontram em liberdade.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Homem é preso pela Polícia Civil após ser flagrado com mais de 100 kg de maconha no carro

Em mais uma ação em desfavor do tráfico de drogas, a Divisão Especializada de Repressão a Narcóticos da Polícia Civil (1ª DENARC – Palmas) e o Grupo de Atuação Especial...

Governador Mauro Carlesse lança PMTO Mobile e preside passagem de comando no 4° BPM de Gurupi

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, lançou na tarde de quinta-feira, 25, em Gurupi, o sistema de tecnologia PMTO Mobile, que visa dar maior agilidade ao atendimento policial no...

Educação estima que mais de 3 mil crianças não estão matriculadas em Araguaína

Mais de três mil pais ainda não matricularam seus filhos em Araguaína, de acordo com levantamento realizado pela Secretaria da Educação. As escolas e creches municipais de Araguaína retornaram às atividades, no...

Prefeito Neurivan Rodrigues busca recursos em Brasília junto aos deputados federais

Com objetivo de viabilizar recursos para realizar obras no município de Carmolândia a fim de melhorar a qualidade   de vida da população, o prefeito Neurivan Rodrigues está em Brasília em...