Mutirão de perícias médicas agiliza andamento de processos

A Junta Médica do Tribunal do Justiça do Tocantins realiza, até o próximo dia 28, um mutirão de perícias médicas no Fórum de Palmas. Ao todo, cerca de 600 agendamentos foram feitos, abrangendo demandas que envolvem o Instituto Nacional do Seguro Social em todo o estado.

Justiça Federal e Estadual participam da mobilização. Foram agendadas 548 perícias médicas, que serão realizadas por oito médicos peritos cadastrados junto à Justiça Federal – Seção Judiciária do Tocantins; além de 58 perícias que vão ser feitas por médicos credenciados pelo TJTO. A expectativa é realizar cerca de 70 atendimentos por dia.

Do município de Combinado,  Antonio Lima foi um dos que já passaram pela perícia. “Obtive a licença, mas foi cortada há dois anos. Agora espero por uma solução”, disse o senhor de 74 anos.

Já Dinalva Seriano de Assunção é de Araguaçu e faz tratamento contra o câncer. Com o benefício suspenso pelo INSS desde o começo do ano, ela precisa passar pela perícia para dar andamento ao processo que pede o retorno dos repasses. “Tomo medicação há dez anos e fiz a cirurgia para retirar a mama. Mas preciso me deslocar para Palmas toda semana para fazer a quimioterapia e o médico pediu para não fazer esforços. Toda vez que levanto o braço dói”, relatou a ex-faxineira atendida na manhã desta quinta-feira  (20/09).

Vale ressaltar que a ação é destinada a jurisdicionados de todo o estado com direito a assistência judiciária gratuita. O atendimento no mutirão acontece das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas até a próxima sexta-feira (28/09).

Texto:Natália Rezende/ Foto: Rondinelli Ribeiro

Comunicação TJTO