Conecte-se conosco

Justiça

Belfast: Nightlife

Manhattan is the oldest, smallest and most densely-populated of the five boroughs of New York City. A borough is a unique form of government that administers the five fundamental constituent parts of the consolidated city. Technically, under New York State Law, a “borough” is a municipal corporation that is created when a county is merged with the cities, towns, and incorporated villages within it.

The First Theft:

The first documented case of art theft was in 1473, when two panels of altarpiece of the Last Judgment by the Dutch painter Hans Memling were stolen. While the triptych was being transported by ship from the Netherlands to Florence, the ship was attacked by pirates who took it to the Gdansk cathedral in Poland. Nowadays, the piece is shown at the National Museum in Gdansk where it was recently moved from the Basilica of the Assumption. The Most Famous Theft:

The most famous story of art theft involves one of the most famous paintings in the world and one of the most famous artists in history as a suspect. In the night of August 21, 1911, the Mona Lisa was stolen out of the Louver. Soon after, Pablo Picasso was arrested and questioned by the police, but was released quickly.

It took about two years until the mystery was solved by the Parisian police. It turned out that the 30×21 inch painting was taken by one of the museum employees by the name of Vincenzo Peruggia, who simply carried it hidden under his coat. Nevertheless, Peruggia did not work alone. The crime was carefully conducted by a notorious con man, Eduardo de Valfierno, who was sent by an art faker who intended to make copies and sell them as if they were the original painting.

While Yves Chaudron, the art faker, was busy creating copies for the famous masterpiece, Mona Lisa was still hidden at Peruggias apartment. After two years in which Peruggia did not hear from Chaudron, he tried to make the best out of his stolen good. Eventually, Peruggia was caught by the police while trying to sell the painting to an art dealer from Florence, Italy. The Mona Lisa was returned to the Louver in 1913.

The Biggest Theft in the USA:

The biggest art theft in United States took place at the Isabella Stewart Gardner Museum. On the night of March 18, 1990, a group of thieves wearing police uniforms broke into the museum and took thirteen paintings whose collective value was estimated at around 300 million dollars. The thieves took two paintings and one print by Rembrandt, and works of Vermeer, Manet, Degas, Govaert Flinck, as well as a French and a Chinese artifact.

As of yet, none of the paintings have been found and the case is still unsolved. According to recent rumors, the FBI are investigating the possibility that the Boston Mob along with French art dealers are connected to the crime.

The Scream:

The painting by Edvard Munchs, The Scream, is probably the most sought after painting by art thieves in history. It has been stolen twice and was only recently recovered. In 1994, during the Winter Olympics in Lillehammer, Norway, The Scream was stolen from an Oslo gallery by two thieves who broke through an open window, set off the alarm and left a note saying: thanks for the poor security.

Three months later, the holders of the painting approached the Norwegian Government with an offer: 1 million dollars ransom for Edvard Munchs The Scream. The Government turned down the offer, but the Norwegian police collaborated with the British Police and the Getty Museum to organize a sting operation that brought back the painting to where it belongs.

Ten years later, The Scream was stolen again from the Munch Museum. This time, the robbers used a gun and took another of Munchs painting with them. While Museum officials waiting for the thieves to request ransom money, rumors claimed that both paintings were burned to conceal evidence. Eventually, the Norwegian police discovered the two paintings on August 31, 2006 but the facts on how they were recovered are not known yet.

Continue lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Justiça

Integrantes do PCC são condenados a penas de 16 a 31 anos de reclusão por prática de homicídio

Em sessão do Tribunal do Júri finalizada na madrugada de terça-feira, 21, o Conselho de Sentença acatou as teses de acusação do Ministério Público do Tocantins (MPTO) e condenou seis integrantes da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) por um crime de homicídio que teve como motivação a rivalidade entre facções, ocorrido em fevereiro de 2018, na cidade de Gurupi.

Os réus foram condenados pela prática de homicídio qualificado e pelo crime de organização criminosa, sendo sentenciados a penas que variam de 16 a 31 anos de reclusão, de acordo com os níveis de participação de cada um deles.

Conforme narrou o Ministério Público, unicamente por ter sido identificada pelo PCC como possível integrante de organização criminosa rival, no dia 12 de fevereiro de 2018 a vítima foi alvejada por diversos disparos de arma de fogo enquanto estava em seu veículo. Os tiros atingiram seu crânio e tórax, ocasionando a sua morte.

Os disparos foram realizados por Leonardo Rodrigues da Silva, do interior de um veículo onde também estavam os réus Hiago Melquíades de Sousa, Hugo Jorge Marinho Mendes e Diego Ferreira Costa. Os outros dois envolvidos são Landerson Palmeira Botelho, responsável pela locação do carro utilizado na emboscada, e Jânio Alves Barbosa, mentor intelectual e autor da ordem para matar integrantes de facção rival

O Tribunal do Júri acatou as teses de homicídio qualificado sustentadas pelo Ministério Público, relativas à motivação torpe, emprego de meio que dificultou a defesa da vítima e perigo comum a terceiros que estavam no local. No carro que foi alvejado, encontravam-se também a namorada da vítima e um bebê, que não foram atingidos.

Continue lendo

Justiça

Corregedoria-Geral da Justiça realiza correição na Comarca de Araguaína

A Corregedora-Geral da Justiça, desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe, abre oficialmente nesta terça-feira, 21/9, os trabalhos correcionais nas unidades judiciais e administrativas, estabelecimentos prisionais, unidades socioeducativas e entidades de acolhimento da Comarca de Araguaína. A solenidade de abertura ocorrerá virtualmente, com transmissão via canal do YouTube do Tribunal de Justiça, a partir das 14h, com a participação de juízes da Comarca e integrantes do Sistema de Justiça.

Todo o trabalho correcional será realizado remotamente, por videoconferência, no período de 22 de setembro a 1º de outubro, sendo presididos pela corregedora-geral da Justiça e coordenados pela juíza auxiliar da Corregedoria, Rosa Maria Rodrigues Gazire Rossi. As atividades nas unidades judiciais e administrativas, estabelecimentos prisionais, unidades socioeducativas e entidades de acolhimento serão acompanhadas e executadas pela equipe de correição composta pelos seguintes servidores: Célia Regina Cirqueira Barros, Fernanda Pontes Alcântara, Ketlen Karolynny Pinheiro Cruz, Leidjane Fortunato da Silva Borges, Lilian Carvalho Lopes, Maristela Alves Rezende, Michele de Souza Costa Romero, Rogério Liria Bertini e Vânia Ferreira da Silva Rocha.

As correições ordinárias são um importante momento de aproximação do Judiciário com os seus integrantes, representantes do Sistema de Justiça e a sociedade em geral, que podem participar com eventuais sugestões, elogios ou reclamações, apresentados, preferencialmente, por meio de formulário eletrônico, disponível no site da Corregedoria-Geral da Justiça, ou ainda pelo e-mail [email protected].

A Comarca de Araguaína encerra o cronograma de correições ordinárias definido pela Portaria Nº 449/20021 CGJUS/SECORPE CGJUS, de 26 de fevereiro de 2021.

Kézia Reis – ASCOM CGJUS-TO

Continue lendo

                   

Política3 horas atrás

Com o apoio de lideranças e famílias de Araguaína, Madruga segue firme na pré-campanha para deputado estadual

Eduardo Madruga é um dos pré-candidatos a deputado estadual (PSD), tem conquistado muito apoio da população de Araguaína. Ele já...

Geral1 dia atrás

Empresas reduzem embalagens e qualidade para repassar custos

Alerta é de economista do Instituto de Defesa do Consumidor.

Política1 dia atrás

Em Arapoema, Lázaro Botelho participa do lançamento de obras na TO-230

O pré-candidato a deputado federal, Lázaro Botelho (Progressistas), acompanhou o Governador Wanderlei Barbosa e comitiva em agenda no município de...

Destaque3 dias atrás

Hospital Regional de Guaraí inicia projeto ‘Doar Vida’ e mobiliza doadores de sangue

No sábado 25, um grupo de 20 pessoas de Guaraí foram doar sangue no Hemocentro Regional de Araguaína.

Destaque3 dias atrás

Durante Corrida da Tocha, Governo do Tocantins anuncia mais uma unidade do Corpo de Bombeiros no Estado

Evento ocorreu na manhã desta sexta-feira, 24, reunindo novos integrantes de Forças de Segurança, para dar início à Semana dos...

Destaque3 dias atrás

Falta de insumos para exames preocupa hospitais no país

CNSaúde diz quadro vem se agravando nas últimas semanas.

Política4 dias atrás

Presidente sanciona com vetos lei que previa compensações de ICMS

Entre os vetos, está o que garantia mínimos em saúde e educação.

Política4 dias atrás

Carlesse recebe apoio da prefeita Josi Nunes e do vice Gleidson Nato em sua pré-candidatura ao Senado

Um dia após o julgamento na TRE que inocentou o ex-governador Mauro Carlesse, a prefeita de Gurupi, Josi Nunes, e...

Destaque5 dias atrás

Investindo R$ 44 milhões, Governo do Tocantins autoriza início das obras de recuperação asfáltica de 117 km da TO-374

Assinatura da ordem de serviço para execução dos serviços aconteceu nesta terça-feira, 21, em Lagoa da Confusão.