25 - outubro - 2020

Polícia Militar encerra festa com cerca de 140 pessoas em chácara na capital

Durante ação da Operação Cerco Total realizada pela Polícia Militar na noite de sexta-feira, 07, e madrugada deste sábado, 08, na região sul de Palmas, uma festa com cerca de 140 pessoas foi encerrada pelos militares. A aglomeração contrária completamente as determinações das autoridades relativas às medidas de combate ao novo Coronavírus.

Por volta de 01h da madrugada deste sábado, 08, as equipes policiais receberam denúncia sobre uma aglomeração de pessoas que ocorria em uma chácara localizada no Setor Santa Fé I. Os policiais deslocaram ao local informado e constataram a veracidade das informações. Muitas pessoas estavam na chácara, que contava com música eletrônica, consumindo bebidas alcoólicas. Os policiais realizaram abordagem no local, nos veículos e buscas nos participantes do evento. Armas e drogas ilícitas não foram localizadas. Antes da chegada dos policiais alguns indivíduos conseguiram fugir do local.

Os policiais conseguiram identificar dois organizadores da festa e um DJ contratado para a festa, que foram conduzidas à Delegacia de Polícia, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência. As demais pessoas foram liberadas após as buscas e verificação de documentos.

O comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Abner Alves Martins, que também comandava a Operação Cerco Total, orienta que as pessoas evitem esse tipo de evento, com aglomeração e outras ações que contrariam as orientações estabelecidas pelas autoridades de saúde. “O momento é de combate à pandemia provocada pelo novo Coronavírus, e a Polícia Militar está atuante nesse sentido. Nossas equipes estão nas ruas diuturnamente cumprindo o seu papel, combatendo a criminalidade, e também apoiando na prevenção às medidas contra a Covid-19, nesse momento ímpar vivido pela sociedade”, destacou tenente-coronel Abner.

 Luana Barros/Governo do Tocantins

Me siga

Categorias