sáb. jan 23rd, 2021

Polícia Civil recupera parte de dinheiro roubado em explosão de banco

Uma ação conjunta de combate à criminalidade deflagrada na manhã desta terça-feira, 7, pela Delegacia Especializada em Investigações Criminais (Deic Norte), com apoio da Deic Palmas e do Grupo de Operações Táticas Especiais (Gote), resultou na apreensão de mais de R$ 5 mil, dinheiro supostamente roubado de uma agência bancária, explodida por criminosos, no dia 28 de outubro, em Filadélfia.

Conforme o delegado regional Bruno Boaventura, a operação teve como objetivo efetuar a prisão de R.S.S., vulgo Regis Macacão, suspeito de envolvimento no roubo a banco na cidade de Filadélfia.

R.S.S. era foragido da justiça desde o ano de 2016, constando em seu desfavor um mandado de prisão expedido por ocasião da Operação Detalhes, que resultou, inclusive, na prisão de alguns policiais civis. Em investigações recentes, a equipe da Deic Norte conseguiu apurar que R.S.S. estaria escondido em uma chácara localizada na zona rural de Wanderlândia.

De posse da informação, na manhã desta terça-feira, 7, por volta das 6h30, as equipes da Policia Civil foram até a chácara para capturar o suspeito. Ao notar a movimentação dos policiais, R.S.S. tentou fugir pelos fundos do imóvel, mas foi surpreendido por policiais que faziam o cerco do local.

Acuado, R.S.S. sacou uma arma de fogo, momento em que foi atingido por dois disparos feitos pelos policiais, que repeliram a agressão iminente. A equipe policial prestou socorro imediato ao suspeito, levando-o para o Hospital Municipal de Wanderlandia, mas R.S.S. não resistiu aos ferimentos e morreu.

Em buscas na residência de R.S.S., os policiais localizaram vários objetos utilizados em assaltos a bancos, dentre eles rádio de comunicação com fones, luvas, coturno e bandoleira para fuzil e a quantia de R$ 5.189 em dinheiro.

As cédulas encontradas em posse do suspeito apresentavam manchas de tinta, ocasionadas por mecanismos de segurança instalados nas agências bancárias, os quais são acionados quando ocorre explosão de caixas eletrônicos. Muitas cédulas também se apresentavam parcialmente queimadas, o que reforça as suspeitas de que o investigado tenha sido um dos autores do roubo da agência bancária de Filadélfia, tendo em vista que esta era equipada com o referido sistema de segurança, que mancha as cédulas em caso de explosão.

A Polícia Civil ressalta que foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias da morte do suspeito e a atuação dos policias envolvidos.

Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Campos Lindos recebe cestas básicas adquiridas com emendas do deputado Eduardo Siqueira

A distribuição de cestas básicas, às famílias de baixa renda impactadas pela pandemia tem sido constante, em vários municípios tocantinenses. O deputado estadual Eduardo Siqueira Campos (DEM), sempre está atento ás demandas da...

Brasil paga à Índia mais que o dobro que países europeus pela vacina da AstraZeneca

Brasil e África do Sul pagam à Índia um valor duas vezes e meia maior que os países europeus pelas vacinas da AstraZeneca produzidas no Instituto Serum. A informação foi publicada nesta...

Bombeiros localizam corpo de homem desaparecido no Rio Lontra

A equipe de mergulhadores do 2º Batalhão de Bombeiros Militar, sediada em Araguaína, localizou e recuperou o corpo do pescador Nilton César Moreira, 45 anos. Ele havia desaparecido no Rio...

Caminhão e moto pegam fogo em ocorrência atendida pelo CBMTO

Um casal morreu no início da manhã desta quinta-feira, 21, no interior do município de Wanderlândia, no norte do Tocantins. Era por volta das 7h20, quando o Corpo de Bombeiros...