ter. jan 19th, 2021

Polícia Civil do Tocantins recupera motores náuticos furtados de barqueiros no interior do Estado

Barqueiros estavam sem poder trabalhar devido aos furtos dos motores de seus barcos que fazem a travessia de passageiros e cargas pelo Rio Araguaia.

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da 37ª Delegacia de Pau D´arco e com o apoio da Polícia Militar, recuperou no final da tarde desta quinta-feira, 18, naquele município, sete motores náuticos que haviam sido furtados de barcos que fazem a travessia diária de pessoas pelo rio Araguaia no dia 16 de junho. 

De acordo com o delegado Marco Aurélio Barbosa Lima, titular da 37ª DP e responsável pelo caso, no dia seguinte aos furtos, a Polícia Civil esteve em Pau D`arco onde deu início às investigações para recuperar os motores furtados.  Segundo o Delegado, de imediato a Polícia Civil se deslocou até o local onde ocorreram os furtos, conversou com os proprietários das embarcações cujos motores haviam sidos furtados e registrou os Boletins de Ocorrências.

“De imediato e com o apoio da PM passamos a diligenciar de forma ininterrupta para localizar o paradeiro dos bens subtraídos, haja vista que a travessia pelo rio ficou seriamente comprometida com o furto dos motores”, disse o delegado Marco Aurélio.

Conforme o Delegado, com as investigações os policiais civis e militares conseguiram localizar o paradeiro dos motores que estavam escondidos em um matagal próximo à entrada da cidade de Pau D’ arco. Dessa forma, os motores, que estão avaliados em mais de R$ 8 mil reais cada, serão periciados e logo em seguida, restituídos aos seus verdadeiros proprietários.

Os motores recuperados pela Polícia Civil são utilizados pelos barqueiros no transporte de cargas e pessoas entre o Estado do Tocantins e as cidades de Bela Vista e Ametista, no Estado do Pará. O delegado Marco Aurélio ressalta inda que desde a madrugada do dia 16, quando os motores forma subtraídos, a Polícia Civil não mediu esforços para recuperar os bens, pois trata-se do sustento dos donos das embarcações que ficaram paradas pela falta dos motores.

“A Polícia Civil envidou todos os esforços possíveis e necessários para localizar os bens subtraídos o mais rapidamente possível para que as atividades de transporte de pessoas e cargas pudessem ser normalizadas”, frisou a autoridade policial. O delegado enfatiza também que as investigações continuam a ser realizadas pela Polícia Civil para identificar e indiciar os autores dos furtos dos motores.

Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Enfermeira de 52 anos é a primeira pessoa vacinada contra Covid-19 no Tocantins

Ao todo, três pessoas receberam a vacina nesta segunda-feira (18); foram duas profissionais da saúde e um indígena. Aplicação da CoronaVac ocorreu no Laboratório Central do Estado (Lacen). A enfermeira...

Homem é preso pela PM e adolescente apreendido por porte ilegal de arma de fogo em Araguaína

A Polícia Militar prendeu, na madrugada desse domingo, 17, no Setor Entroncamento em Araguaína, um homem, 34 anos, por porte ilegal de arma de fogo e apreendeu um adolescente, 16...

Prazo para cadastro de reembolso do concurso da PMTO começa nesta segunda-feira

A Polícia Militar do Estado do Tocantins (PMTO) deu início nesta segunda-feira, 18, ao período de cadastramento on-line para solicitação de reembolso do concurso da corporação. Todas as informações referentes...

Governador Carlesse vai a São Paulo receber vacinas contra a Covid-19 destinadas ao Tocantins

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, participará do ato simbólico de recebimento das Vacinas - Brasil Imunizado, com a presença do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em Guarulhos...