Juiz suspende atos de campanha e autoriza apreensão de carros que fizerem carreatas em três cidades no Tocantins

Juiz suspende atos de campanha e autoriza apreensão de carros que fizerem carreatas em três cidades no Tocantins

O juiz André Fernando Gigo Leme Netto suspendeu alguns atos da campanha eleitoral em três cidades da região central do Tocantins e autorizou a polícia a apreender carros que participarem de carreatas nos próximos dias. A medida se aplica aos municípios de Miracema do Tocantins, Lajeado e Tocantínia, que fazem parte da 5ª Zona Eleitoral pela qual Leme Netto é responsável.

Na portaria que determinou as mudanças, o juiz disse ter recebido relatos e vídeos que mostram que os partidos políticos nestas três cidades desobedeceram uma decisão anterior dele, que criou normas sanitárias e de distanciamento social nestas três cidades durante a campanha.

Além das carreatas, ficaram proibidas passeatas, pedaladas e também o uso de fogos de artifício, exceto nas comemorações da vitória quando o resultado final das urnas for anunciado no próximo domingo (15).

Além de ter os veículos apreendidos, quem for flagrado desrespeitando a norma vai responder por crime de desobediência. A decisão foi publicada às 19h03 desta terça-feira (10) e já está valendo.

Outras cidades

Recentemente outras zonas eleitorais também determinaram restrições para as campanhas. Em Arapoema, Bandeirantes do Tocantins, Nova Olinda e Pau D’Arco comícios e passeatas só podem ser feitos em ambientes fechados em que há como controlar a quantidade de participantes.

Fonte G1 Tocantins