Livro que aponta equívocos na condenação de Lula é lançado no Tocantins

Com 40 artigos assinados por 52 juristas do país, o livro “Comentários a um acórdão anunciado – O Processo Lula no TRF-4” será lançado na próxima terça-feira (04/09), às 10h da manhã, no Campus da Universidade Federal do Tocantins (UFT) em Porto Nacional. A obra, organizada por Carol Proner, Gisele Cittadino, Gisele Ricobom e João Dornelles, será apresentada na abertura da Mesa “Mulheres, Direito e Democracias”, na sala 201 do Bloco X, que faz parte da programação da III Semana Acadêmica Integrada promovida pela instituição.

O evento é uma iniciativa do Núcleo Tocantins da Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD), que tem promovido diversos outros eventos de divulgação do trabalho pelo país. “O lançamento regional do livro marca a presença de resistência jurídica contra esse processo que maculou para sempre a democracia brasileira”, sustenta a advogada Verônica Salustiano, componente do grupo e também integrante da coordenação nacional da ABJD.

Na avaliação das organizadoras, a obra vem a ser mais uma contribuição – entre várias outras mobilizações como a Vigília Lula Livre (em Curitiba, cidade onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva segue preso, nas instalações locais da Polícia Federal) – que reforça a existência de uma perseguição judicial. Para Gisele Cittadino, os conteúdos que analisam a condenação em segunda instância pelo colegiado de Porto Alegre mostram que se trata de uma “violação contra os direitos da cidadania, contra a soberania popular” imposta à principal liderança do Partido dos Trabalhadores (PT) e atual candidato à Presidência da República pelo partido.

Mais informações Verônica Salustiano – Núcleo Tocantins da Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD) – 63 98456-1325